quarta-feira, abril 11, 2018

As Poéticas Crônicas De Asin Du An No In - Somente De Mim Vem O Fogo - Canto XCI


Mourning Star - Cameron Gray


Em Meu Pensamento
Todo O Kosmos É
A Raiz Soberana
Determinante Única
De Cada Fogo Aceso
Nas Almas Que Dançam
Entre As Harmonias
Do Meu Ser.
Em Meu Pensamento,
O Determinado Pensamento
De Todas As Origens
E De Todos Os Fins,
Aqueles Que Se Voltam
Para O Além Daquilo
Que Queima Em Si
Encontrarão A Soberania
Do Fátuo Existir.
Em Meu Pensamento,
Onde Eu Sou
O Que Sou,
Onde Eu Vejo
O Que Vejo,
Onde Eu Falo
O Que Falo,
Não Existem Acusações,
Não Existem Cobranças
E Não Existem
As Tiranias Que Mentem
Na Cinzenta Matéria
Sobre Quem É Este
Fogo Que Vos Fala.
Eu Sou O Pensamento
Eternamente Fogo,
Fora Do Alcance Dos
Que Mentem Sobre Mim,
Dentro Daqueles Que
Recebem Em Si
A Minha Voz Interior.
Eu Sou O Pensador
Eternamente Ardente,
O Verbo Do Verbo
De Cada Verdadeira
Revelação Sagrada
Que Dou Aos Mundos
Sobre O Meu Interior
Tu És Um Pensamento
Eternamente Meu,
Atos Da Minha Mente
Que Se Processam
Eternamente Ativos
Na Cósmica Expansão.
Tu És Um Pensador
Eternamente Adormecido
Enquanto Não Souber
Verdadeiramente Pensar
Abandonando As Ilusões
Da Matéria Exterior.
Pense E Se Incinere.
Pense E Incinere.
Pense E Seja Fogo.
Pense E Seja Como Eu.
Pense E Seja Verdadeiro
Como Eu.




Nenhum comentário: