domingo, abril 09, 2017

As Poéticas Crônicas De Asin Du An No In - Somente De Mim Vem O Fogo -Canto LXVI


Silence Seekers - Cameron Gray

Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Pronto
Para O Alcance
Do Primeiro Ser.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Voando
Pelo Alto Horizonte
Do Definitivo Eu.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Plantando
Cada Árvore Maior
Do Grande Jardim
Essencial.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Planejando
A Grande Construção
Do Verdadeiro Templo
Da Magna Magia
Do Alto Coração.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Escrevendo
O Eterno Livro
Das Múltiplas Revelações
Do Multiverso Existencial.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Orando
Às Primeiras Estrelas
Da Infinita Constelação
Do Alto Amor Incendiador.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Oferecendo
Cada Uma Das Tuas
Sinceras Lágrimas Derramadas
A Toda Alma Assassinada
Pelo Caos Material.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
Esteja Sempre Colhendo
No Grande Jardim Espiritual
A Flor Plantada Na Cruz
Que Gira A Favor
Do Poder Natural.
Navegante Do Oceano
Do Fogo Que Eu Sou,
A Mim Chegue
Ontem,
A Mim Chegue
Amanhã,
A Mim Chegue
Agora.
E Sejas Teu Próprio
Fogo A Elevar-Se
No Oceano Que Tu Serás.




Nenhum comentário: