quinta-feira, janeiro 21, 2010

As Poéticas Crônicas De Asin Du An No In - O Anjo Inominável Do Amor - Canto XIX


A Coroa Solar festeja,

há um cântico

de pureza maior

em cada raio

do Astro Das Canções

Das Purezas Todas.

O Verdadeiro Puro

Amor Solar

É O Verdadeiro Sol,

um Astro onde

os Mais Elevados

portam O Selo Do Amor

em nome do

Pai Do Amor,

O Um Revelado

Em Beijo Maior

Aos Seus Filhos

Reveladores Maiores.

O Anjo

Essencialmente Amor,

O Anjo Inominável

Do Amor,

aproxima-se do

Verdadeiro Sol,

cumprimentando

Os Senhores Da Chama

Da Verdade Solar,

encontrando

Mikael,

O Arcanjo Solar

Governador Dos Sóis

Espirituais.

O Amor Pensa,

Do Alto,

Lá do Alto,

Do Um,

descem ondas de

chamas coroadas

pelas

Chamas Da Coroa

Da Criação.

Mikael ergue

a Sua Espada

e o Seu Escudo,

os Arcanjos Solares

Pensam,

Amor,

Solar Amor,

A Todos Os Mundos

Do Verdadeiro Solar Creador!

O Anjo

Que Inominavelmente

Apenas Pensa

No Amor

ergue as

Suas Mãos,

Sobre Os Mundos

Os Raios Mais

Essencialmente Vastos

Do Amor

Descem Sobre Todos

Os Filhos Solares!

Vejam sempre

nas obras

de Amor

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Caridade

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Construtividade

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Humildade

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Abnegação

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Paz

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Harmonia

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

de Equilíbrio

as asas de um

Filho Solar!

Vejam sempre

nas obras

dos Filhos Despertos

Do Verdadeiro Gerador

Da Vida

Na Criação

O Verdadeiro Brilho

Solar!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Equilibra,

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Harmoniza

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Pacifica,

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Abnegado É,

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Humilda-Se,

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Constrói,

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Caridoso É,

É Um Sol!

Assim É,

Pois Quem

Verdadeiramente

Ama,

É Um Sol!

Sol a ouvir

A Trombeta Do Julgamento

Das Almas

Anunciando

O Grande Dia Do Amanhã!

Quem ficará

à direita

do Mestre Pescador?

Quem ficará

à esquerda

do Mestre Pescador?

Todo Sol

na Terra

Revelado

em Suas Obras

chamejantes todas

do Poder

Da Verdadeira Luz,

A Alta Luz,

A Una Luz,

pescará em outros

mundos abaixo

deste

almas que

na Nova Galiléia

serão o centro do

Grande Dia Do Amanhã!

Vejo agora

O Anjo Inominável

Do Amor

silenciosamente prostrar-se

ao lado direito do

Anjo Da Trombeta

Do Julgamento...

À esquerda,

Trevas,

Lágrimas

E Dor...








Nenhum comentário: