sexta-feira, julho 17, 2009

As Poéticas Crônicas De Asin Du An No In - O Anjo Inominável Do Amor - Canto XI


Dentro das estrelas

que percorrem

a Humanidade,

há um brilho capaz

de falar tudo

acerca da Verdade.

Não é o falso brilho

material

das coisas vãs

da Humanidade.

Não é o falso brilho

irrealizador

das coisas fúteis

da Humanidade.

Não é o falso brilho

das coisas infrutíferas

da Humanidade.

Há de se ajoelhar

para tal brilho

tal como faz

O Anjo

que fecha

as asas

e exibe

um amável

sorriso.

A que brlho

me refiro

fechando também

as minhas asas?

Qual o brilho

refletido

pelo fechar

de minhas asas?

Onde vai

e onde está

tal brilho

que me obriga

a fechar

minhas asas?

O Anjo

sorri para mim,

um sorriso

cheio de

fino Amor,

sorriso que acompanha

o brilho que,

enfim,

causa-me infindo

torpor.

É uma luz

de nove pontas

e nove pontes

percorrendo

nove caminhos

até os corações

de todas

as mulheres

e de todos

os homens.

Uma luz

de nove carinhos

para uma Força

que vem a fazê-la

girar

em redor dos nossos

ninhos.

Uma luz

de nove abrigos

dos quais sai

A Força

que vem arrasar

com corações enraivecidos

tornando-os

corações macios.

Uma luz

de nove sinos

que batem em uníssono

anunciando a chegada

da Força

que vem a unir

todos os pergaminhos.

Nove pergaminhos

e uma palavra

que vem da Força

a fazer-me ajoelhar

e orar

colhendo lírios:

AMOR

AMOR

AMOR

AMOR

AMOR

AMOR

AMOR

AMOR

AMOR!!!

A Força Do Amor:

Nove Vidas,

Nove É O Amor!

A Força Do Amor:

Onze Vidas,

Onze Também É

O Amor!

A Força Do Amor:

Movente Das Estrelas

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Dos Cometas

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Dos Sóis

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Das Luas

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Dos Planetas

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Das Galáxias

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Dos Universos

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Das Criações

Da Humanidade!

A Força Do Amor:

Movente Da Consciência

Que Se Faz

Cósmica Essência

Da Humanidade!






Nenhum comentário: