quarta-feira, maio 16, 2007

Da Inominabilidade - Parte LXIV


- Negação É A Formulação Inominável Que Elabora O Verso Verdadeiro Do Inominável Ser. Negação É A Doutrina Segura Da Anulação Dos Desejos Menores Para A Afirmação De Todo Desejo Maior De Inominavelmente Ser Inominável Ser. Negação É A Situação Formuladora Do Círculo Transformador Do Transmutador Ser Do Organismo Espiritual De Um Inominável Ser. Negação É O Ponto Final Do Inicial Formar Real De Um Inominável Ser. Negação Solar É A Noite Das Almas Eternas Inomináveis. Negação Lunar É O Dia Das Almas Eternas Inomináveis. Negação Inominável É O Poder De Se Transferir Para A Inominável Realidade Inominável. O Não É A Porta Inominável Do Inominável Ser. O Não É A Fonte Inominável De Outro Ser Do Inominável Ser. O Não É A Cósmica Moldura Inominável Das Arquiteturas Inomináveis Do Inominável Ser. O Não É A Vontade Revolucionária Do Inominável Ser. O Não É A Revolução Do Inominável Ser. O Não É A Grata Enchente De Águas Inomináveis Do Inominável Ser. O Não É O Doce Incêndio De Fogos Inomináveis Do Inominável Ser. O Não É O Alívio Inominável Do Inominável Ser. O Não É O Tributo Inominável Do Inominável Ser. O Não É A Carta Escrita E Endereçada Ao Próprio Habitar Interno Do Inominável Ser. O Não É A Residência Que Ocupa O Mundo Interno Do Inominável Ser. O Não É A Ocupação Interna Do Inominável Ser.

- Despersonalização Inominável, Asin?

- Não, Apenas Inominável Ser, Alynne.

- Mas, O Não...

- O Não Da Inominabilidade É O Sim Eterno Da Inominabilidade. O Não Da Inominabilidade Não É O Não Da Materialidade. O Não Da Inominabilidade É O Sopro Que Encanta O Espectro Da Verdade Diante Da Sombra Reveladora Das Propriedades Inomináveis Do Cântico Da Eternidade. Para Os Inomináveis, A Inominabilidade Do Cântico Da Eternidade É O Não Formador De Paragens Estáticas Em Meio Ao Ocidente Mutável E Ao Oriente Mutável Das Essências Todas Das Multiplicidades E Das Unidades Mutáveis Da Criação. Para Os Inomináveis, O Não Da Inominabilidade Nos Seios Da Deusa Mãe Eterna Eternidade É O Triunfo Da Clara Verdade Tributada Aos Altos Valores Inomináveis Que Negam A Si Mesmos Para Afirmarem-Se Inominavelmente Como Inomináveis. O Não Povoa A Eternidade Inominável. O Não Polui A Eternidade Inominável. O Não Aplica-Se À Eternidade Inominável. O Povoar É A Inominável Densidade De Ter Do Inominável Ser. O Poluir É A Inominável Sede De Eternamente Saber Do Inominável Ser. O Aplicar É A Inominável Realização Do Ser Do Inominável Ser.


Resplendem Os Alvoroços

O Não Responde

O Não Esconde

O Não Foge

O Não Fica

O Não Busca

O Não É


Os Inomináveis São O Não

O Não Inominável

O Não Da Inominabilidade

Não Libertário

Não Governante

Não Revolucionário

Não Evolucionário

Não Inspirador

Não Inspirativo

Não Inspirado


Os Inomináveis

Não Inomináveis

Não Realizáveis

Não Realizados

Não Realizadores

Não Promotores

Não Encarregados

Não Mestres

Não Discípulos

Não Pais

Não Mães


Os Inomináveis

O Não Do Não Desconhecido

O Não Do Não Inominável

O Não Navegante

O Não Flutuante

O Não A Voar

O Não A Correr

O Não A Abraçar

O Não A Acariciar

O Não A Fortalecer

O Não A Orientar

O Não A Crescer

O Não A Ceder

O Não A Guerrear


Os Inomináveis

Não

Inomináveis

Não

Inomináveis

Não

Inomináveis


O Não É

A Afirmação Existencial

Da Inominabilidade


O Não É

O Afirmado Poder

Da Inominabilidade


O Não É

A Inominabilidade


Compreendas O Não

Somando As Compreensões

De Todas As Somas Essencias

Infinitamente Inomináveis

Dos Resultados De Todas As Somas

Das Eras Calculantes

Do Passar De Si Mesmas

E Tu Serás

Um Dos Inomináveis


Calcules A Anti-Soma

E Dobres O Ritmo

De Todas As Somas

E Tu Serás O Não

E Tu Serás

Um Dos Inomináveis


No Resultado

Tu Serás Não

Tu Serás

Um Dos Inomináveis


No Resultado

Tu Serás

O Não

Inominável Ser





Nenhum comentário: