terça-feira, abril 10, 2007

Da Inominabilidade - Parte L


- Liberdade: Sagrada Palavra Entoada Em Uníssono Pelos Libertos Das Algemas Materiais, Refletindo Em Suas Vozes O Cântico Existencial Cósmico. Liberdade: Sagrada Palavra Desconhecida No Reino Do Baixo, Vivida No Reino Do Alto Na Aurora Eterna Existencial Do Kosmos. Liberdade: Sagrada Palavra Escrita Com O Fogo Sagrado De Todos Os Sóis Eternos Universais No Grande Livro Cósmico Do Existir. A Existência Eterna Verdadeira É O Texto Do Existir, Existe Resistindo No Que É, Nunca Selando Nas Frontes Dos Seres Materiais Que Se Deixam Ser Abarrotados Pela Materialidade A Impotente Profana Palavra Escravidão. Pela Ignorância De Que Se É Uma Letra No Grande Livro Cósmico, Os Seres São Escravos Receptores Dos Açoites Espirituais Próprios De Si Mesmos, Açoites Advindos De Um Espírito Miniaturizado Pelo Duro Estado Ignorante Na Materialidade. Liberdade Não É Uma Palavra Morta Na Grande Idade Cósmica Do Existir E Nem É O Maior Dos Sonhos Natimortos Nunca Alcançáveis. Materialmente Não Há Liberdade, Liberdade Verdadeira; Espiritualmente, Nas Torres Existenciais Do Sendeiro Habitável Do Sentido Do Estar Existindo, A Liberdade Verdadeira É O Pleno Existente, Atuando Eterna No Eterno Atuar Do Existir. A Liberdade Verdadeira Existe Porque É A Exigência Única Do Existir. Liberto Verdadeiro Existir É Existir Liberto Cosmicamente. Plena É A Altura Do Princípio Transcendental Do Existir, Altura De Grandeza, Altura De Nobreza, Altura De Magnitude, Altura De Altura. Altura De Grandeza Na Alta E Pequena Grandiosidade Nos Seres Altos E Pequenos Que Povoam O Reino Do Alto E O Reino Do Baixo, Respectivamente, Em Diferenciados Níveis Evolutivos. Altura De Nobreza Nas Nobres Obras E Ações Da Natureza Cósmica Emitindo A Todos Os Espíritos Que Existe No Existir A Grande Nobreza Do Saber-Se Existente, Nobreza Toda Reinante, Nobreza Toda Súdita Do Existir, Nobreza Que É O Existir. Altura De Magnitude Nas Magnânimas Vorazes Transmutações De Fel Material Degradante Em Mel Espiritual Elevante; De Ferro Interior Corroído Em Ouro Interior Integral; De Esgoto De Idéias Em Águas De Incondicionais Altos Ideais; De Lama De Comportamentos Em Oceanos De Incondicionais Altos Moralismos Reais; De Baixos Seres Em Altos Seres Do Existir. Altura De Altura Existe Porque É O Alto Do Existir. Existir No Alto É A Culminância Sublime De Todo O Intenso Trabalho Árduo Nos Mais Baixos Recônditos Do Existir. Trabalhar Para O Alto É O Existir.


Um comentário:

Zana disse...

Olá ISer,


"Quero voar
-mas saem da lama
garras de chão
que me prendem os tornozelos.

Quero morrer
-mas descem das nuvens
braços de angústia
que me seguram pelos cabelos.

E assim suspenso
no clamor da tempestade
como um saco de problemas
-tapo os olhos com as lágrimas
para não ver as algemas...

(Mas qualquer balouçar ao vento me parece Liberdade.)"

De: José Gomes Ferreira

***********

... estava te lendo,do fim para o inicio dos posts, aí então cheguei a parte L:

Liberdade:
"Sagrada Palavra Escrita Com O Fogo Sagrado De Todos Os Sóis Eternos Universais No Grande Livro Cósmico Do Existir. " (ISer)

... a Liberdade... e estar em Casa...

"A minha casa
É de nuvens
E de sonhos reais
Em céu real eterno "

(ISer)


...mas agora eu já vou...até...